apple eye hands

A Endocrinologia Pediátrica é a área de atuação da Pediatria responsável pelo diagnóstico, tratamento e acompanhamento de alterações hormonais desde o nascimento até o final da adolescência, por volta dos 18-20 anos. São essas alterações que podem determinar repercussões sobre o crescimento, o desenvolvimento e o metabolismo de um organismo em fase de maturação. Geralmente, o pediatra encaminha quando julga necessário, mas se os pais desejarem uma opinião desse especialista, podem ter autonomia para procurá-lo.

Assim, crianças e adolescentes deverão ser avaliados, entre outras situações, se:

• alterações no teste do pezinho sugestivas de hipotireoidismo congênito (alteração do TSH) ou de hiperplasia adrenal congênita (alteração da 17-hidroxiprogesterona).

• baixo peso e/ou comprimento ao nascer, pequenos para a idade gestacional (PIG) ou prematuros.

• Baixa estatura , estatura abaixo do padrão de altura da família ou com baixa velocidade de crescimento,

• Sinais de precoce da puberdade ( crescimento das mamas e/ou aparecimento de pelos pubianos, odor axilar, acne ) antes de 8 anos em meninas ( e de 9 anos nos meninos);

• crescimento muito acelerado;

• Ausências de sinais puberais até os 13 anos nas meninas ou 14 anos nos meninos;

• suspeita ou diagnóstico de diabetes mellitus;

• obesidade, dislipidemia, resistência insulínica

• doença da tireoide;

• uso contínuo de corticoides ou anticonvulsivantes ou houver história de fraturas frequentes ou deformidades ósseas;

Annelise Barreto – Endocrino-pediatra
CRM 8336 | RQE 3905

Compartilhar: